Aplicativo desenvolvido pela B2ML para a UNESCO visou alinhar tecnologia e saúde

Vigência da Lei Geral de Proteção de dados pode ser adiada para 2021
6 de abril de 2020
Inbound Sales: o que é e como pode ajudar a vender mais?
20 de abril de 2020

Aplicativo desenvolvido pela B2ML para a UNESCO visou alinhar tecnologia e saúde

Visando colaborar com a saúde pública, a UNESCO, Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura, possuía um desafio muito grande: criar aplicativos que ajudassem jovens a se proteger contra o HIV/AIDS ou a viver bem com a doença.

Para chegar a esta solução, a instituição contratou a B2ML, alinhando seu objetivo à tecnologia, para então realizar um aplicativo que atendesse à demanda solicitada. Através deste contato, a B2ML criou, coordenou e operacionalizou um Hackathon (uma maratona de desenvolvimento), em 2017, durante o 11º congresso de HIV/AIDS.

O serviço incluiu a mobilização de voluntários, descrição das funcionalidades do app e criação do seu protótipo. Dentre as mais diversas atividades realizadas, o resultado foi alcançado: criação dos aplicativos “Jovem para Jovem” e “E agora, Dora?”

Apesar deste projeto ter sido elaborado e concluído a alguns anos, o que fica evidente é que muitas empresas estão procurando a tecnologia da informação para disseminar informações, seja por uma causa ou para uma venda. Isso não difere no âmbito da saúde.

A intensa procura para que o conhecimento e a informação cheguem de forma mais rápida e prática a um cidadão, considerado usuário no ramo virtual, faz com que as empresas, instituições e órgãos públicos analisem e invistam cada vez mais em tecnologia da informação.

De acordo com o estudo realizado pela Frost & Sullivan em 2019, as prioridades no Brasil para a utilização de aplicativos de TI dentro de ações da saúde são para reduzir custos e melhorar a qualidade e satisfação nos atendimentos. Entretanto, dentre os desafios para implantação está a ausência de recursos e a ausência de reconhecimento da TI como estratégia.

Novas tendências de consumo de serviços, bens e informação

A Tecnologia da Informação é um instrumento poderoso para melhorar a gestão e aumentar a produtividade, eficiência e lucratividade de negócios. Mais do que nunca, ela se tornou aliada em momentos de crises diversas, na qual podemos citar a pandemia do Coronavírus.

Uma grande verdade é que para o futuro, o mercado está se adaptando no presente.  É preciso analisar novas estratégias, focadas no mundo online, seja através de sites, plataformas, ferramentas, situações que acompanham as tendências de mercado, levando sempre em consideração o perfil de consumo de cada cliente.

Seja para uma venda, uma causa, um acontecimento ou ação, a tecnologia da informação veio para ficar e estabelecer sua importância e relevância no mundo.

Com a pandemia, novos dados sobre TI no Brasil surgiram. Na previsão da Gartner, empresa que trabalha com pesquisas e aconselhamentos para empresas, os investimentos em Tecnologia da Informação no mercado brasileiro terá um aumento de 2,5% em relação ao acumulado de 2019. Um dos fatores está ligado à grande procura de aplicações em nuvem, uma tendência mundial.

Soluções rápidas e ágeis para qualquer tipo de negócio

O mercado vem se aquecendo cada vez mais no ramo de tecnologia. Empresas oferecem soluções viáveis e de custos variados para o mercado, estas que atendem as demandas de forma efetiva.

Por mais ágil que a solução seja, ela precisa ter um propósito e ser bem construída, para que alcance o objetivo principal, seja levar uma informação, captar novos clientes e converter vendas ou gerar entretenimento aos usuários.

Tecnologia da Informação para Todos

Isso é fato. A informação através da tecnologia está sendo democratizada, seja para quem a recebe ou para quem quer investir. Dentro das limitações de custos e recursos, os hábitos ligados à TI estão sendo modificados e alcançando cada vez mais pessoas com seus objetivos. Um dos grandes diferenciais para que isso venha acontecendo com o tempo, está ligado diretamente às startups.

Pequenos ou grandes projetos atualmente podem ser construídos com a ajuda ou totalmente planejados com a tecnologia da informação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *