Atualidades

O marketing digital tem diversas estratégias para alavancar seu negócio. Uma das principais ferramentas para esse tipo de trabalho é o CTA, que é a abreviação de Call to Action, ou Chamado para Ação em português. 

O termo se refere a uma chamada, tanto visual quanto de texto, que leve o consumidor para sua página, visando a realização de alguma atividade ou ação.

Um profissional de coaching de carreira, por exemplo, pode usar o CTA para atrair a atenção de seu público para um serviço ou conteúdo específico de sua página.

Por esse motivo, o CTA é uma ferramenta primordial para gerar leads qualificados em suas páginas. Escolher corretamente a abordagem da estratégia é uma das principais etapas para alavancar seu engajamento.

Alguns exemplos de CTA são:

  • Link para outro post relacionado;
  • Oferta de material;
  • Chamado para inscrição;
  • Convite para conhecer mais.

Essas ações são realizadas com a ideia de levar o visitante de sua página para a próxima etapa do funil de vendas, portanto é essencial identificar em qual etapa o CTA será utilizado.

Quando você pensa em um Call To Action que direcione um visitante para um produto específico, é importante que ele tenha algum tipo de contato prévio com seu produto, do contrário ele pode acabar se afastando da proposta comercial.

Uma pessoa que já estava procurando uma empresa de segurança eletrônica pode acabar encontrando em seu CTA o motivo que buscava para fechar um negócio.

É muito comum que seus visitantes comecem a conhecer mais seu empreendimento a partir do momento em que decidem acompanhar o conteúdo apresentado. 

Por isso, é importante consolidar sua base de clientes antes de iniciar estratégias de Call to Action nas publicações.

O CTA pode ser representado em cada uma das etapas do funil de vendas, com suas utilizações variando de casos em casos.

Em um primeiro momento, a estratégia pode indicar a atenção dos clientes, conquistando a atenção de um visitante e fazendo ele prosseguir para a navegação.

A segunda etapa do funil é importante para criar um interesse no visitante, apresentando conteúdos relevantes para ele e levando-o a tomar a decisão de procurar mais informações sobre o serviço prestado.

Depois disso, é importante começar a passar a sensação de desejo para o visitante. Nesse momento, os benefícios do produto ou serviço podem ficar em evidência, certificando ao consumidor que suas necessidades serão atendidas.

Por fim, é importante ressaltar que o CTA é utilizado para engajar o cliente a efetuar a compra de forma satisfatória.

Se você está vendendo material para merchandising, pode usar a CTA para direcionar seus clientes durante todo o processo de compra, permitindo que ele encontre os serviços que melhor se adequam às suas necessidades de modo simples e rápido.

Como uma CTA funciona?

É possível identificar o funcionamento de uma Call to Action de forma fácil e rápida. Encontre alguém que não tem contato com seu site e o convide para olhar sua página.

Depois de cinco segundos, minimize o navegador e peça para essa pessoa se lembrar de como era seu site e o que ela podia fazer lá.

Se o convidado não souber qual seria o próximo passo de tomada dentro de seu site, é um sinal de que sua estratégia de Call to Action não está funcionando.

Se você vende brindes personalizados, a pessoa que estiver vendo seu site precisa compreender do que ele se trata e para onde deve ir depois de seguir pela página inicial.

É preciso conquistar a atenção imediata com esse tipo de recurso, levando em conta alguns fatores importantes para conseguir um resultado positivo, como identificar o CTA em um tamanho maior que os demais elementos da página, gerando destaque.

A posição onde a ferramenta aparecerá também é importante, uma vez que a chamada deve ser bem visível. Ademais, a composição de cores deve ser relevante para a ação, com tons fortes e que produzam um destaque na CTA.

É importante frisar que o visitante pode até identificar sua Call to Action, mas talvez simplesmente não esteja interessado nela.

Pensando nesse tipo de caso, é importante criar um conteúdo e texto que o auxilie nessa etapa do processo, com uma descrição apurada do que o cliente irá receber ao clicar.

Quando você cria textos com um bom conteúdo para explicar as vantagens de uma consultoria ambiental, pode criar no cliente o interesse que se transformará em necessidade de consumo enquanto ele passa pelas etapas do funil de vendas.

Deixar a situação nebulosa com um simples “Clique Aqui” pode afugentar os visitantes, impedindo o CTA de atingir seus resultados.

O texto do Call to Action deve ser resumido, mas também deve deixar explicado de forma clara e concisa o que o visitante conseguirá ao usar seu serviço. 

É importante que outros elementos, como artes e visual, conversem com o texto, a fim de convergir para um mesmo caminho de escolha do cliente.

No caso da empresa de consultoria ambiental, é importante identificar quais elementos podem identificar imediatamente a imagem da empresa com as referências visuais apresentadas.

No caso de um e-commerce, onde muitas vezes um CTA pode significar o fechamento de um negócio, é importante diminuir ao máximo o atrito entre as conversões.

Como escolher o Call to Action certo?

Saber como e quando utilizar o Call to Action requer todo um preparo e planejamento de marketing para tomar as decisões corretas. 

Algumas informações são bastante importantes nesse tipo de questão, compreendendo como montar a melhor estratégia para o empreendimento.

Se você trabalha com impressão de banner, é importante ter em mente que seu trabalho pode ser identificado por uma série de elementos essenciais que serão utilizados no call to action para um maior engajamento de público.

O primeiro ponto é conseguir identificar corretamente qual será a persona do post. Ou seja, conseguir distinguir quem deverá ser atingido pelo seu conteúdo, assim conquistando uma criação mais certeira. 

Para isso, um dos primeiros pontos é conceber o nível de conhecimento da persona. Seu blog atende qualquer tipo de público, ou é necessário um conhecimento específico prévio para compreender o material disponibilizado?

É importante definir também qual será o modelo utilizado para sua Call to Action. Você deve lembrar que ela precisa ter um certo destaque em sua página, para que seja imediatamente identificada e atraia a atenção do público.

Dentre as opções possíveis para a utilização de um CTA podemos citar:

  • Sidebar;
  • Texto com link;
  • Imagens inseridas no post;
  • Banner no topo da página.

Você pode inicialmente testar um dos formatos e conforme analisar os resultados usando as ferramentas de métrica, pode ir alterando e otimizando o CTA para resultados mais assertivos.

Você precisa identificar também qual será o objetivo do Call to Action, baseado nas escolhas de etapa do funil de vendas e na necessidade primordial do site no momento da escolha.

Alguns CTAs tem como objetivo alavancar uma outra publicação da página, fazendo os mecanismos de busca compreenderem que há uma maior procura por conteúdo em seu site.

Você pode usar um Call to Action para levar seus clientes até uma página que ofereça um banner promocional, aumentando assim a possibilidade de vendas deste produto em particular.

Esse tipo de ação acaba aumentando o engajamento em sua página, melhorando o SEO e alavancando sua empresa para conquistar novos visitantes.

Talvez você esteja em busca de novos leads, e utilize a ferramenta de Call to Action para levar os visitantes a se inscreverem em sua newsletter, iniciando uma rede de relacionamento e cedendo informações úteis para a análise de sua gestão empresarial.

O engajamento também pode ser o foco de uma CTA, tanto buscando mais compartilhamentos, comentários e curtidas nas redes, quanto a busca por novos seguidores, para ampliar dessa forma sua rede de contatos.

Alguns locais são mais comuns para a utilização de Call to Action, particularmente em páginas iniciais, onde é possível direcionar pessoas que já entraram no site interessadas em seguir direto para a próxima etapa.

Também é possível usar em páginas específicas que tenham um conteúdo relevante ao produto ou serviço que você quiser apresentar.

As redes sociais devem ser grandes apoiadores desse tipo de jornada. Elas são o fundamento do Inbound Marketing, que tem como objetivo cativar o cliente através de conteúdos que o façam querer estar no ambiente da empresa.

Pensando nisso, diversas ações de CTA podem ser usadas para levar seus clientes aos setores de venda, dando mais certeza de conclusão de negócios.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

23 de novembro de 2020

Como utilizar CTA’s de forma eficiente para seu negócio

O marketing digital tem diversas estratégias para alavancar seu negócio. Uma das principais ferramentas para esse tipo de trabalho é o CTA, que é a abreviação […]
17 de novembro de 2020

Quais estratégias cada tipo de negócio deve aderir

Criar um negócio é uma ação que demanda muito estudo e preparo, para evitar qualquer possível problema que possa acontecer. Os mercados cada vez mais competitivos […]
26 de outubro de 2020

Por que o funil de vendas é tão importante

Toda empresa precisa entender o que é funil de vendas e a sua importância para os negócios. Além disso, sua necessidade está em saber aplicar e […]
15 de outubro de 2020

5 dicas de como implantar um bom software de RH na sua empresa

O RH é um setor fundamental da empresa que lida com a gestão de pessoas. Sendo assim, a escolha do software que será usado para realizar […]